Curta nossa página e fique bem informado com os informes e estudos cristãos.

Curta-nos no Facebook Siga-nos no Twitter Assine os Feeds Entre em contato

Noticia: Cristãos alegam violação da liberdade religiosa e processam governo por pressão para realizarem casamento gay

MARCIORRAMOS OFICIAL | 26.10.13 | 0 comentários

A discussão em torno da adaptação dos direitos civis às exigências de militantes homossexuais levou alguns grupos a buscarem na Justiça que igrejas cristãs realizem cerimônias de casamento gay.
Agora, cristãos estão contra-atacando e buscando medidas judiciais contra órgãos públicos que obriguem as denominações a celebrar a união de duas pessoas do mesmo sexo.
A iniciativa foi tomada por  Dick e Betty Odgaard, um casal cristão que lidera uma igreja e resolveu processar a Comissão dos Direitos Civis do estado norte-americano de Iowa, por querer forçar a denominação a que pertencem a realizar um casamento gay. A ação alega que, se a igreja for obrigada a celebrar a união, estaria sendo violada a liberdade religiosa.
“Eles entraram com a sua própria reclamação dizendo que se a Comissão obriga-los a ir contra suas crenças e sediar casamentos gays estaria violando a Lei dos Direitos Civis Iowa”, afirmou o porta-voz do Christian Institute, entidade britânica de defesa da fé cristã, que mesmo estando sediada na Inglaterra, tem prestado apoio e orientação jurídica ao casal norte-americano.
A ideia de recorrer à Justiça para manter seu direito de liberdade religiosa surgiu depois que um casal homossexual quis realizar seu casamento na igreja a que Dick e Betty congregam. Após a abertura do processo, os cristãos sofreram ameaças através de e-mails e telefonemas de pessoas contrárias à sua postura.
“Posso ter minhas crenças sem ser banido por isso? Eu acho que eu tenho o direito de se manter firme às minhas convicções e crenças”, argumentou Betty Odgaard à TV KCCI. “Não tenho nada contra gays e lésbicas. Eu, pessoalmente, acredito que o casamento é entre um homem e uma mulher. Eu não condeno ou julgo ninguém por suas crenças e como eles vivem suas vidas”, Acrescentou.
“Betty e Richard acreditam que um casamento é uma cerimônia inerentemente religiosa que comunica algo importante para a sociedade. Mas a Comissão de Direitos Civil de Iowa está forçando o casal pessoalmente a sediar uma cerimônia de casamento do mesmo sexo que viole suas crenças religiosas. Embora Betty e Richard tenham servido e contratado indivíduos homossexuais no passado, e tenham amigos gays e familiares a quem eles têm em alta estima, eles não podem pessoalmente sediar uma cerimônia de casamento que viola suas crenças”, declarou o escritório de direito contratado pelo casal.
Gospel + com informação do blog

Category:

0 comentários

AS MAIS MAIS....DO PÚBLICO

CONFIRA TAMBÉM

Fechamento do Dólar nos últimos dias

Recommended Post Slide Out For Blogger