Curta nossa página e fique bem informado com os informes e estudos cristãos.

Curta-nos no Facebook Siga-nos no Twitter Assine os Feeds Entre em contato

Noticia: Propósito de ativistas gays é banir o casamento afirma jornalista

MARCIORRAMOS OFICIAL | 11.4.14 | 0 comentários

jornalistaBlog mroberto. O objetivo do movimento homossexual é acabar com o casamento. A afirmação partiu da ativista gay Masha Gessen, jornalista formadora de opinião junto ao público LGBT.

Bissexual, Masha afirmou numa entrevista em rede nacional que a ideia dos ativistas gays é que o casamento enquanto instituição deixe de existir. “Mentimos quando dizemos que a instituição do casamento não vai mudar. O casamento vai mudar e deve mudar, e não deveria existir”, disse à Radio National, da rede ABC.
Anteriormente, Masha afirmou que o casamento era uma instituição “acéfala”, e deveria acabar para permitir a felicidade das pessoas.
Na entrevista mais recente, Masha afirmou que a luta pela legalização do casamento gay faz parte de uma estratégia que tem como propósito, fazer o casamento em si deixar de ser natural: “É óbvio que homossexuais devem ter o direito de se casar, mas também é óbvio que a instituição do casamento não deveria existir… Lutar pelo casamento gay, geralmente envolve mentir sobre o que queremos ver com o casamento, quando chegarmos lá, porque mentimos quando dizemos que a instituição do casamento não vai mudar, e isso é uma mentira. A instituição do casamento vai mudar, e precisa mudar. E eu acho que não deveria existir. E eu não gostaria de participar na criação de ficções da minha vida”, declarou.
A narrativa da jornalista sobre sua família mostra o conceito de sociedade considerado ideal para os ativistas gays e explícita um conflito total com os princípios da sociedade atual: “Tenho três filhos, que tem cinco pais, mais ou menos, e não vejo o porquê eles não devem ter cinco pais legalmente… Conheci a minha nova parceira, e ela tinha acabado de ter um bebê, e o pai biológico desse bebê é meu irmão, e o pai biológico de minha filha é um homem que vive na Rússia, e meu filho adotado também o considera como pai. Assim que os cinco pais se dividem em dois grupos de três… E realmente, eu gostaria de viver em um sistema legal que seja capaz de refletir a realidade, e não acredito que seja compatível com a instituição do casamento”, disse.
A repercussão das declarações da jornalista e ativista gay levaram o Family Institute a reconhecer que o real propósito do movimento homossexual é banir o casamento,e citou que um levantamento mostrou que apenas um baixo número de casais gays querem igualar sua união a um casamento tradicional, o que corroboraria as declarações de Masha.
Fonte: Gospel Mais/Gospelhoje

Category:

0 comentários

AS MAIS MAIS....DO PÚBLICO

CONFIRA TAMBÉM

Fechamento do Dólar nos últimos dias

Recommended Post Slide Out For Blogger