Curta nossa página e fique bem informado com os informes e estudos cristãos.

Curta-nos no Facebook Siga-nos no Twitter Assine os Feeds Entre em contato

O obreiro e o prêmio de Balaão_do BlogMroberto

Marcio Roberto Ramos | 25.1.13 | 0 comentários

Este prêmio pode ser definido como galardão daqueles obreiros que, além de se corromperem, fazem de tudo por corromper a Palavra de Deus e a Igreja de Cristo.
Os que assim agem, afirma o comentarista inglês Mattew Henry, em nada diferem dos três mais notáveis criminosos do antigo testamento: Caim, Coré e o próprio Balaão.
Acerca destes, brada o apóstolo Judas;" Ai deles! Porque foram levados pelo engano do prêmio de Balaão" Judas v.11. A expressão engano, no original grego, denota um indivíduo errante e desviado, que jamais conseguirá achar-se. E o substantivo prêmio_misthós- refere-se a uma recompensa, salário ou pagamento.
A palavra é usada para descrever o mercenário que, em busca de seu prêmio, torce a Palavra de Deus e deixa-se corromper no ministério cristão. É claro que o obreiro é digno de seu salário (Lc 10.7; 2 Tm 2.15), todavia não podemos fazer comércio do povo de Deus ( 2 Pe 2.3), nem agir por torpe ganância ( 1 Tm 3.3).
Eis o que recomenda Paulo: "Em tudo, te dá por exemplo de boas obras, na doutrina,, mostra incorrupção, gravidade, sinceridade ( Tito 2.7).
A sedução do obreiro começa quando, premiado pelas circunstâncias, já não fala o que a igreja precisa ouvir, mas o que determinados grupos querem escutar. Ele já não zela pela sã doutrina, está mais interessado em agradar aos poderosos do que o Todo poderoso.
O obreiro se deixa seduzir quando vende a consciência para angariar os bens que aqui terminam e que aqui se acabam. Lembra-te, porém, querido obreiro: não foste chamado para seres um homem do povo, mas um provado e legitimado homem de Deus. Não te deixes corromper pelo ouro de Balaque, jamais coloque tropeço diante dos santos, os maus obreiros não ficam impunes. O Deus que agiu no AT, continua ativo e vigilante quando as notas fora.....Ele não tosqueneja.
Concluindo, como está nossa consciência? Tentados pelos prêmios deste mundo, respondamos como Daniel diante da oferta do corrompido Belsazar " As tuas dádivas fiquem contigo, e dá os teus presentes a outro" (Dn 4.17), lembra-te faça primeiro a obra que Deus te confiou e busque o reino dele e sua justiça (Mt 6.24-34),  Deus convoca os crentes a permanecer correndo a carreira da fé.
Olhando para as testemunhas que estão a nos rodear, Desembaraçando-nos do que nos atrapalha, está em uma corrida! Mas, a corrida do crente não é para ganhar uma coroa corruptível. A corrida do crente é uma corrida de vida ou morte. Ele está correndo para Jesus Cristo. Ele quer, ele deseja alcançar a coroa da vida. O prêmio que Deus dará aos vitoriosos nessa corrida. Não se venda! Não se entregue a corrupção! seja fiel, porque fiel é o que te chamou, Deus.

Marcio Roberto Ministro de Louvor

Category:

0 comentários

AS MAIS MAIS....DO PÚBLICO

CONFIRA TAMBÉM

Fechamento do Dólar nos últimos dias

Recommended Post Slide Out For Blogger