Curta nossa página e fique bem informado com os informes e estudos cristãos.

Curta-nos no Facebook Siga-nos no Twitter Assine os Feeds Entre em contato

Noticia: Israel discute plano milionário para incentivar imigração judaica

Marcio Roberto Ramos | 19.2.15 | 0 comentários

mroberto. Um ataque a uma sinagoga em Copenhague, na Dinarmaca, fez com que o primeiro ministro israelense, Benjamin Netanyahu, se pronunciasse chamando os judeus de todo o mundo para a “imigração em massa”.

No sábado (14) um homem realizou sozinho dois ataques na capital dinamarquesa. O primeiro aconteceu em um café onde era realizado um debate sobre blasfêmia e liberdade de expressão, o homem fez vários disparos e o resultado foi um morto e três policiais feridos.
Mais tarde o mesmo criminoso, que foi identificado e morto no dia seguinte, foi até uma sinagoga e atirou contra o segurança do local que não resistiu aos ferimentos e morreu. A vítima era um judeu dinamarquês.
No domingo o governo israelense discutiu sobre um plano para incentivar a imigração judaica da França, Bélgica e Ucrânia, países com vários casos antissemitas.
O projeto para levar os judeus desses países para Israel deve custar US$ 46 milhões. “Os judeus merecem segurança em todos os países, mas nós dizemos aos nossos irmãos e irmãs judeus, Israel é a sua casa”, disse Netanyahu.
“É esperado que continue essa onda de ataques”, disse o premiê. O projeto pede para que os judeus se mudem para Israel para serem protegidos desses ataques.
Mas o rabino-chefe da Dinamarca, Jair Melchior, não aceita o conselho do primeiro-ministro. “Terror não é uma razão para ir para Israel”, disse. O religioso afirmou que estava desapontado com o chamado de Netanyahu. Com informações Último Segundo

Category:

0 comentários

AS MAIS MAIS....DO PÚBLICO

CONFIRA TAMBÉM

Fechamento do Dólar nos últimos dias

Recommended Post Slide Out For Blogger